Educação Financeira

  • Comprar ou não um imóvel? Eis a questão

    A compra da casa própria é o grande sonho da maioria dos brasileiros, é sinônimo de status social e de estabilidade financeira. Quem nunca ouviu: “Olha, Fulano já comprou um apartamento, agora já está com a vida organizada”. Sim, pode ser que o Fulano esteja com a vida organizada, mas pode ser que ele ainda tenha 30 anos de parcelas de financiamento para pagar e isso se torne uma dificuldade durante esse tempo. Aquela casa ou apartamento só será sua propriedade, quando ele pagar a 360ª parcela e, caso isso não aconteça, o bem será devolvido ao banco. Uma triste realidade.

  • Economizar com o cafezinho resolve?

    Tomar aquele cafezinho depois do almoço, ir ao cinema com o namorado (a), jantar em um restaurante com os amigos, etc. Todos esses são gastos, de certa forma, não fundamentais para a nossa sobrevivência. Mas seria assertivo cortar esse tipo de despesa e poupar dinheiro para realizações futuras? A resposta é não. Claro que todos […]

  • As contas de início de ano para quem não recebe o 13º salário

    Se você tem uma empresa de pequeno porte, atua como prestador de serviços, recebe bolsas de estudos de mestrado ou doutorado ou se encaixa em outro perfil que não recebe o 13º salário, saiba que você precisa ter o dobro de organização de quem tem um contrato formal de trabalho. Como você não recebe esse […]

  • Pós fixados na moda

    O ano de 2015 foi marcado pela crise política e econômica, o que resultou num período turbulento para o mercado financeiro. Nesse cenário de incertezas, a pergunta que não quer calar: Onde posso investir meu dinheiro em 2016? Uma alternativa diante desta situação são as aplicações mais conservadoras, como os investimentos com rentabilidade atrelada ao Certificado de Depósito Interfinanceiro (CDI), que protegem o investidor da instabilidade econômica do país e por serem pós-fixados, não sofrem com a oscilação das taxas de juros.

  • TOP 5 livros sobre finanças e empreendedorismo para dar de presente de natal

    Trocar presentes é uma tradição do natal, mas a felicidade de dar um presente é acompanhada de gastos extras. Com o atual cenário econômico, o brasileiro está disposto a gastar menos com presentes de natal do que estava disposto a gastar no ano passado. De acordo com uma pesquisa do SPC Brasil – Serviço de […]

  • Três dicas para aplicar seu 13º salário

    A primeira parcela do 13º salário costuma sair no final do mês de novembro, sendo que a segunda vem em dezembro. Um salário a mais para as despesas de final e começo de ano: IPVA, IPTU, matrícula da escola, material escolar, presentes, festas, etc. Somente após o pagamento de todas as pendências, a aplicação do […]

  • Saiba o que uma boa planilha de gastos pessoais deve ter e como utilizá-la

    Saiba o que uma boa planilha de gastos pessoais deve ter e como utilizá-la

    Um grande passo para quem está pensando em organizar as finanças pessoais e iniciar um controle financeiro, é elaborar ou adquirir uma planilha para descobrir para onde vai o seu dinheiro. Porém, para isso, é fundamental entender quais são os indicadores e dados necessários e como utilizar uma planilha de controle de gastos.

    Dentro do mundo do capital, uma pessoa, quando se trata de dinheiro, tem apenas dois indicadores primários: indicadores de receitas e indicadores de despesas, que podem ser chamados de entrada e saída de dinheiro. A entrada de capital orienta o padrão de vida de uma pessoa. Para que esse padrão cresça com o passar do tempo, é preciso assumi-lo e direcionar parte do dinheiro para algum investimento, caso contrário, é forte a tendência de contrair dívidas e não conseguir ter um controle financeiro.

  • Conheça o tesouro direto, um bom investimento.

    como_investir_no_tesouro_diretoUma premissa bem conhecida pelos investidores mais experientes diz que não é recomendável apostar todas as fichas em um único investimento. Uma carteira de investimentos bem equilibrada, geralmente, conta com uma boa diversificação entre os principais investimentos disponíveis. O tesouro direto, embora não seja tão conhecido por boa parte da população brasileira, é uma das principais alternativas de investimento no Brasil.

  • Precisa quitar as dívidas? Comece por aquelas que têm os juros mais altos

    Precisa quitar as dívidas? Comece por aquelas que têm os juros mais altos

    Quer se trate de dívidas com cartões de crédito, empréstimos estudantis ou até mesmo uma hipoteca, a maioria das pessoas encontra-se sob o peso das dívidas em algum momento de suas vidas. Isso pode nos manter em empregos que odiamos apenas para pagar as contas. Aprenda a quitar as dívidas pelos juros mais altos.

    Passo a passo para quitar suas dívidas

  • Mantenha suas contas em controle.

    mantenha as contas em ordem

    Controle de Finanças Pessoais é usado para todos os tipo de pessoas que buscam controlar o orçamento familiar e suas finanças pessoais. Levando a um planejamento financeiro com total concordância em suas prioridades. Para isso, segue uma ótima planilha para fazer esse controle. Essa planilha acaba possuindo as mesmas premissas de um Fluxo de Caixa Empresarial, porém adaptada para um ambiente familiar.

    Dentre alguns erros usuais que um Planejamento Financeiro Pessoal pode ter, existem 4 que não podem ocorrer de forma alguma.

  • Veja como acabar com a dívida do cartão de crédito definitivamente

    dividas-cartao-credito

    Quando você receber a fatura do seu cartão de crédito, sofrerá com a tentação de pagar apenas o mínimo. O ideal é que você leia a declaração e obtenha informações sobre quanto tempo será necessário para liquidar o saldo da conta. Geralmente, quando se paga apenas o mínimo da fatura, o pagamento leva anos ou até décadas para finalizar. Por isto, separamos algumas informações e dicas para você acabar definitivamente com a dívida do cartão de crédito.

  • 3 hábitos de educação financeira para toda a família

    2222

    Todos queremos uma vida financeira tranquila e estável. Ter dinheiro para os momentos inesperados, fazer uma viagem com os amigos, comprar presente para quem a gente gosta. E tudo isso sem precisar apertar o orçamento. Infelizmente, poucas pessoas conseguem ter uma vida financeira equilibrada e acham que esse privilégio é apenas para aqueles que ganham muito dinheiro. Mas as pesquisas mostram que não é bem assim: a maior parte dos endividados no Brasil pertencem às classes A e B. O que isso quer dizer? Que a solução está mais em como a gente gasta dinheiro do que em ganhar mais e mais.